Publicado por: Patsy | fevereiro 2, 2008

“Prazer ou Tortura”

Viajar para muitas pessoas é um prazer enorme, satisfação garantida, agora para outras pessoas que tornam o prazer de viajar em uma obrigação o que pode se esperar além de tortura?

Essa semana foi o retorno a vida real, tomei o caminho das rotas atrevidas novamente, e pela manhã eu faço a minha parte e dou carona e olha a conversa que se seguiu hoje curiosamente:


– Você retorna e já vem logo o carnaval, que moleza heim!

– E você voltou uma semana antes e já tinha o feriado do aniversário de São Paulo, a mesma coisa.

– É mesmo, e ai como foram as férias? E as viagens?

– Tudo maravilhoso, férias sempre são maravilhosas e se podemos viajar então! Nossa, melhor ainda.

– Ah, não é sempre assim não.

– Claro que é, não importa nem o local às vezes, porque só de viajar e planejar, é tão gostoso.

– Então escuta essa história, na semana passada quando eu retornei todos meus amigos ficaram me perguntando para onde eu tinha viajado e eu disse, como você sabe que não viajo, que eu fiquei em casa e estava maravilhoso. Bom, ficaram fazendo piadinhas, e eu aguentando, até que comecei a perguntar para apenas um dos meus amigos, e você foi viajar?

– E o que ele respondeu? Sacanagem isso, cada um faz o que quer, é o que eu acho…

– Bom, ele respondeu que foi lógico, ele a esposa e os dois filhos. Eu perguntei para onde e ele disse para Porto Seguro, e eu comentei mas você já não conhece lá? E ele respondeu conheço sim, mas o pacote estava mais barato, e sabe como é, as crianças pagaram metade uma e a outra foi gratis, bom conclusão da história eles alugaram um carro, mas parece que nem usaram porque não dava para circular, foram um dia na praia e tinha muita gente vendendo coisas, muita gente mesmo que acharam melhor ficar na piscina, o dono da pousada contratou uns rapazes para tocarem um samba a beira da piscina, o tempo todo e ele disse que foi um inferno, mas tudo bem, pelo menos lá tinha sombra porque ele não estava mais aguentando o calor insuportável, e disse também que foram comer uma moqueca que custou muito caro para ele e a esposa e os filhos, mas tem que comer moqueca, mesmo que aqui come-se melhor e mais barato a mesma moqueca, mas essa era especial porque não era daqui.

– Nossa que história horrível.

– Pois é, tem gente que viaja só para dizer que viajou, e fica fazendo brincadeira comigo que prefiro a minha piscina e o conforto da minha casa.

– Eu concordo, cada um tem que fazer o que gosta mais, e viajar por viajar só para dizer que foi viajar é a pior coisa que tem, é pura tortura. Eu já viajei sem dinheiro, em esquemas bem economicos, mas mesmo assim com prazer sabendo da condição, mas é difícil eu trocar o conforto do meu lar para uma roubada assim…

E assim continua a conversa que me fez refletir um pouco nessas pessoas que viajam e nem sabe ao certo o lugar que estão indo, o que irão fazer, onde irão ficar, sem planejamento fica muito mais fácil cair em roubada. E fica a pergunta, como que para mim algo pode ser tão prazeiroso e para outras pessoas se tornar uma obrigação torturante? 🙄

 

Anúncios

Responses

  1. Nossa, que pessoa nada a ver!!! Concordo com você que viajar desse jeito não é prazer e não acrescenta nada!!!

    Essas pessoas achamq eu estão aproveitando uma promoção, mas no fim, a promoçào está se aproveitando deles!!!

    Curta sua piscina!!! 😀

    Abraços,
    Carla

  2. Carla, esse “aproveitar” é bem relativo… parece obrigação..arghhh

    😉


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: