Publicado por: Patsy | julho 18, 2007

“Luto – Congonhas”

Horário do almoço. Um ar parado.Um silencio, cortado por outro vôo que chega ou sai.

O restaurante vazio, sem fila, sem emoção, as pessoas com olhares longes.

Fitinhas pretas na roupa em forma de demonstrar luto.

Todos chocados, todos pensando que poderiam ser eles, porque trabalhamos tão perto.

O cheiro no ar pela manhã era sufocante, um cheiro que não ia embora.

A tristeza é geral. As pessoas se acumulam para ver os destroços. Eu não fui, e não irei. A coragem me falta, e não vejo necessidade de ver mais nada. Ontem eu estava em Congonhas. Ontem eu me senti inútil. Ontem poderia ter sido apenas ontem, e o amanhã acabaria ali.

Anúncios

Responses

  1. Pat, q loucura… realmente difícil expressar qualquer sentimento. Vc tão perto… cuidado, amiga!

  2. […] que realmente faz um ano foi a trágedia aqui em Congonhas, e não temos como […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: